terça-feira, julho 17, 2018

Caminhos que se abrem !

Aos poucos vai se conhecendo o lugar. Pode demorar semanas, meses, semestres...O conhecimento chega, a ousadia aparece, o inusitado acontece.

Quando achamos que a chama tivesse apagado , surge uma fagulha que te dá um impulso de esperança, trazendo palavras positivas, um reconhecimento ímpar, uma história que também sabe contar.

Nesse ponto surge o tesão e o conhecimento caminhando juntos por um objetivo de dar os primeiros passos para essa cidade se transformar numa referência cultural.

Bem-vindos a Chapecó !

sábado, julho 14, 2018

Deu match !

Um vinho, notas musicais em forma de melodia navegando pelo apartamento, corpos ousados....
A mente agradecia aquele momento. Os neurônios se abraçavam. O fígado trabalhando sem parar. O coração acompanhando a música.

Nove da noite... duas da madrugada... 6 da manhã ...

Deu match !

sábado, julho 07, 2018

Estamos Voltando pra Casa !

Lulu Santos ainda cantarola pelo Brasil à fora essa frase. Ele continua na ativa, cinquentão, mas firme nos palcos. Já nossa seleção brasileira de futebol teve vida curta nesse mundial. Tenho minhas teses.

A primeira é que deveriam ser convocados apenas aqueles que jogam em solo brasileiro. Te garanto que formaríamos uma baita seleção. Não envolveria dinheiro, empresários, palpiteiros, obediências de patrocinadores, etc... E tem mais: todos jogariam o campeonato da vida e ainda estariam na janela para alçar vôos mais altos.

Os jogadores decepcionaram. O goleiro Alisson, se fosse substituído pelo Pitol, goleiro do Brasil-PE que disputa a série B do Brasileirão, teria o mesmo desempenho, ou melhor. G Jesus foi um verdadeiro fracasso assim como o Cai-cai Neymar que, de tanto que perdeu a credibilidade, até em pênaltis reais os juízes não acreditam que ele caiu pelo fato de ter sido derrubado,

E agora vem nosso maior problema: o técnico ! O filósofo da bola ! Não sei qual o linguajar que ele usa para falar com os jogadores mas se for o mesmo que ele fala com a imprensa, é fracasso na certa. Tite é inteligente. Suas palestras, para um público universitário pra cima, devem ser ótimas. Mas conversa de vestiário é outra coisa.

Jogador de seleção é rico mas continua ignorante, com poucas exceções. Falar difícil para ele acaba dando um nó nos neurônios e aí o resultado é nulo.

Seleção brasileira volta pra casa pelo seu péssimo desempenho enganatório. Empatou a primeira com um time fraco. Não venceu, no tempo normal, outro time fraco tendo, segundo dizem, eu não concordo, o atleta da vitrine caindo em prantos no segundo jogo, ganho nos descontos.

Analise esses e outros fatores não escritos, sentado numa cadeira no outro lado da rua da concentração brasileira. O resultador será: isso não vai dar certo !

Estamos voltando pra casa !

domingo, julho 01, 2018

Nunca contei para qualquer pessoa !

Realmente, isso que lhes contarei agora nunca foi relatado para qualquer pessoa. Foi o dia, ou a noite, que resolvi ficar perambulando pelas ruas de Porto Alegre. Mesmo tendo um lar para dormir, resolvi ficar nas ruas para ver o que se passava.

Peguei um ônibus e fui para o centro da cidade. Em frente ao prédio da prefeitura acontecia uma cerimonial de uma igreja e por lá fiquei ouvindo o que rolava. Uma lavagem cerebral que nada tinha a ver comigo. No final, um prato de comida para cada um. Não aceitei. Me ofereceram. Nada tinha a ver comigo.

Percorri mais ruas naquela madrugada fria e me deparei com um músico tocando seu violão ao lado de um cobertor de acampamento. O cara era bom e tinha até músicas própria. Nisso chegou um outro transeunte e pediu o violão. Meu Deus ! O cara tocava muito bem e cantava como se fosse um rock star.

Já eram quase 5 da manhã quando o morador de rua colocou seu violão no "sleep bag" , se acomodou e foi dormir. Antes disso, um cidadão lhe trouxe um lanche e uma lata de cerveja.

Chorei de presenciar tanta soliedariedade humana nas ruas da cidade, perambulando sem rumo e observando o que se passava nas noites portoalegrenses.

Foi só uma parte. Mas foi uma parte importante da constituição do cidadão que sou hoje.

sexta-feira, junho 29, 2018

Cuba Libre !

Desconheço a origem do nome desse drinque o qual mistura Coca-Cola, vodka, limão e gelo. Talvez tenha alguma referência ao país dos famosos charutos e não de vodka com Coca-Cola.

Mas o que me refiro é uma analogia ao Brasil livre. Que soltem todos os corruptos presos, que soltem o Lula e os demais. Afinal de contas, fomos colonizados por ladrões e bandidos e não podemos perder nossa característica primária.

Temos deputados federais viciados em cocaína, em corrução, em falcatruas....Esse é o nosso orgulho. Nosso maior craque futebolístico é especialista em simular faltas inexistentes. Temos um comentarista numa das maiores redes de televisão do planeta dependente químico. Temos um governador que é incapaz de pagar a folha do funcionalismo em dia mas é candidato a reeleição. Temos um prefeito em Porto Alegre que briga com todos os secretários e ainda se chama capacitado para o cargo. Temos um judiciário especialista em soltar bandidos e ainda se orgulha de tais atos.

Somos o Brasil. Um país diferente, comandado por bandidos, uma população cada vez mais burra e ignorante e que se encaminha para o caos. Só não foi ainda pela capacidade empresarial de muitos empreendedores que ainda acreditam nessas terras tupiniquins.

domingo, junho 24, 2018

Não desista antes do tempo !

O grande ensinamento que essa copa do mundo 2018 na Rússia tem nos trazido é não desistir do teu objetivo antes de tentá-lo conquistar a todo custo.
Dezenas de jogos tem se decidido nos acréscimos do tempo normal de jogo. Se alguém pudesse comprar ingresso para assistir a prorrogação veria um espetáculo emocionante e de curta duração.

Essa lição serve para qualquer coisa em nossas vidas que almejamos conquistar. Muitas vezes uma barreira aqui, outra acolá, nos desanima e, muitas vezes desistimos. A copa do mundo nos diz\ o contrário.

É uma verdadeira injeção de ânimo para qualquer um com algum propósito.

Não desista. Muitas vezes nossas conquistas acontecem ao apagar das luzes, saindo pela tangente, no fio da meada, quando nada tínhamos de esperança mas muito de perseverança.

quarta-feira, junho 20, 2018

A fazenda Anoni e o MST

Acabei de assistir a um documentário no Canal Brasil sobre o assentamento de 32 mil hectares pelos sem-terra na respectiva fazenda. É de chorar ver o despreparo desse pessoal completamente perdido na sua maior reinvidicação: uma terra para trabalhar. E, para completar, crianças para todo lado, mesmo vivendo na miséria.

Mas em nenhum momento do documentário eles mostraram e provaram para as autoridades que dispunham de técnicas agrícolas, que sabiam plantar, que sabiam como tornar a terra produtiva.

Muito pelo contrário. Os seus atos eram acompanhados de muita cantoria improdutiva, caminhadas pelas cidades e acampamentos em estacionamentos de órgãos públicos. E muita reza. Como se Deus fosse solucionar o problema deles.

Eu também sou um sem-terra. Não tenho terras. E nem quero. Não saberia o que fazer com ela. Talvez um campinho de futebol e aparar a grama de tempos em tempos. Não sou desse segmento e acredito que 80% desse pessoal do MST não passam de curiosos querendo uma terra de mão beijada que, daqui a um tempo, nada mais conseguirão plantar pelo simples fato do desconhecimento, da falta de estudo e da ignorância que caminha junto com esse movimento.

Se Israel desenvolveu técnicas de transformar o deserto em terra produtiva, qual a razão de o nosso nordeste viver a situação que todos os anos se repete. O que mais eles sabem é fazer cantoria para que chova. Só que chuva não vem de cantorias e sim de condições climáticas.

Mas a incapacidade de aprender essas técnicas faz parte da ignorância desse grupo cujas lideranças agem da mesma maneira que nossos políticos. Quanto mais ignorante mas fácil de eu fazer o que quiser estando no poder.

Caminhos que se abrem !

Aos poucos vai se conhecendo o lugar. Pode demorar semanas, meses, semestres...O conhecimento chega, a ousadia aparece, o inusitado acontece...