sexta-feira, setembro 23, 2011

Meu pai já dizia que um dos indicadores de pobreza é verificado na quantidade de açúcar que é colocado nas bebidas. Óbvio que certas regras tem suas exceções. Mas disso já falei um dia.

Hoje o assunto é um outro indicador. O da velhice. Ou, sendo menos agressivo, da grande dificuldade em lidar com equipamentos eletrônicos.

Mesmo sem nunca ter tido contato, as crianças e adolescentes ligam e fazem funcionar qualquer tipo e espécie de equipamento eletrônico. Mas a medida que o tempo vaipassando, certas pessoas não conseguem fazer funcionar uma simples televisão velha ligada num 3 em 1 pro som ficar melhor.

Chega a dar um nervoso ver a tentativa dessa turma, apertando em todos os botões que não interessam e fazendo coisas inimagináveis com os coitados dos aparelhos.

Depois de tanto futricar e quase inutilizar o equipamento de vez, elas desistem. E aí chamam alguém que analisa a situação rapidamente, aperta em uns poucos botões e faz a coisa funcionar, nunca esquecendo de aumentar o volume para que o som saia pelos autofalantes.

Lições de uma boa gestão !

Meus amigos, estou escrevendo esse ensaio após a derrota do Grêmio de 5 x 0 para o Flamengo numa semifinal de Libertadores. Foi uma coisa in...