segunda-feira, dezembro 31, 2012

Previsões para 2013 !

Baseado em dados estatísticos passados, coloco aqui uma lista de fatos que terão grandes probabilidades de se concretizarem nesse ano de 2013. Vamos à lista:

- um importante e famoso jogador de futebol brasileiro será contratado por um grande time europeu ;
- um importante e famoso jogador de futebol brasileiro voltará a jogar num time brasileiro por não ter se adaptado ao país do time que o contratou ;
- continuaremos a ocupar uma das últimas posições no ranking da educação mundial ;
- muitos políticos ligados ao PT serão presos pela Polícia Federal por envolvimento em escândalos e desvios de verbas públicas ;
- o PT lançará um grande programa popular que irá beneficiar as classes C e D ;
- pelo menos dois artistas de projeção nacional morrerão e que deixará os brasileiros bastante tristes ;
- não será nesse ano que o Inter disputará o Mundial de Clubes FIFA ;
- o Gremio não conquistará nenhum título expressivo ;
- mais de 10.000 pessoas morrerão em acidentes pelas rodovias do Brasil ;
- o Beira-Rio será inaugurado mas muita coisa ainda deverá ser concluída em 2014 ;
- dezenas de brasileiros ficarão ricos acertando na loteria ;
- dezenas de brasileiros voltarão a viver na miséria por não saberem lidar com a fortuna que ganharam na loteria ;
- continuarão os preços abusivos nos pedágios nas estradas gaúchas sem qualquer contrapartida de melhoramentos em segurança ;
- centenas de bancos serão explodidos por bandidos tentando roubar dinheiro dos caixas eletrônicos ;
- várias cartomantes e videntes errarão feio suas previsões para 2013.

Era isso ! Desejo a todos um feliz 2013 !

sexta-feira, dezembro 14, 2012

A Fila Vai Andando....

Essa frase sábia ouvi de um primo meu quando estávamos num evento onde outro parente em comum nosso estava nos deixando para uma outra fase da vida. E é mesmo assim que a coisa funciona. Uns vão saindo, outros vão entrando e sempre lembrando que participamos dessa imensa fila da vida.

Nesses últimos anos, alguns amigos próximos, que ainda estão por aqui, deixaram de ter contato comigo. Ou por vontade minha ou por vontade deles. Talvez tenha se esgotado aquela parte prazerosa da amizade para adentrar na parte mais problemática e a solução foi o afastamento. Ou, numa outra visão, cumprimos o papel que tínhamos em comum e cada um foi para o seu lado.

O bom de tudo isso vem da frase título dessa postagem: a fila vai andando. E assim deu-se a oportunidade de aparecer gente nova, gente bacana que oxigenou a vida. Se, por um lado, ainda sinto falta daqueles que eu tinha um ótimo relacionamento, por outro, fico muito feliz por estas novas pessoas terem aparecido, geralmente em situações inusitadas ou naquelas coincidencias inexplicáveis.

A vida é assim mesmo ! O apego demasiado, com a pessoa errada, tem grandes chances de se tornar uma incomodação gratuita.

Nessas situações a gente torce mesmo é que a fila ande e que sejam renovadas as pessoas a nossa volta !

domingo, dezembro 09, 2012

O Menino dos Olhos Verdes !

Foi-se o menino, como uma notícia já anunciada. Ele estava ali no reduto sem mesmo saber a razão pela qual estava. Participava quando questionado, se afastava pelo bel prazer.

O menino dos olhos verdes sabia muitas coisas mas tinha medo em falar. Fazia muitas coisas mas tinha medo em comentar. O menino dos olhos verdes resolveu se calar.

sábado, dezembro 01, 2012

A vida não é tão bela assim !

Num dos inúmeros discursos infelizes do ex-presidente Lula, ele disse que sua mão nasceu analfabeta. Ora, não foi um castigo de Deus para com a sua pobre família que hoje está rica graças a outros artifícios que independem de o cara saber ler bem, falar bem e ser um alfabetizado por completo.

Todos nós nascemos analfabetos e isso é uma tarefa que a grande maioria não consegue vencer, se tornando o alfabetizado informal. Ou seja, dá pro gasto, pra ler horóscopo e crônicas policiais. Mas é quase impossível ir ao cinema e acompanhar a legenda. Só filme dublado mesmo !

Mas o tema que me proponho é um pouco diferente. A vida não é tão bela assim. Reflitam os seguintes pontos que colocarei aqui:
- quando a gente está com aquela plena disposição de adolescente, com todo gás, não conseguimos entrar nos lugares legais pra dançar e se divertir ao som de uma boa música e um bom som.
Quando podemos, já surgiram outros compromissos que não nos deixa sair todas as noites.

- tá certo, a grana começa a entrar pelo trabalho mas no auge de dirigir bem, reflexos apurados, só conseguimos adquirir um carro 1.0, lento, sem banco de couro, sem ABS, sem uma série de coisas que a gente teria o máximo prazer em usufruir.

Quando conseguimos comprar um bom carro, já estamos bem mais velhos, reflexos deixando a desejar, algumas barbeiragens vez que outra e esse carro não servirá mais pra sair com a mulherada. Só as gatinhas interessadas na tua conta bancária. E olhe lá !

- na fase de estágio e primeiros empregos nosso destino não passa das praias mais próximas ou Porto Seguro ou excursões da CVC. Estamos com plena disposição para fazer de tudo e ir em lugares legais.
Mas isso só será possível mais velho quando teremos mais grana para ir no lugar que quisermos. E a saúde já não ajuda tanto. Dormimos mais cedo, trocamos a balada pela leitura de um livro, pelo joguinho de cartas, etc...

- e quando estamos com toda a disposição possível, os empregos topo de linha não são para esse time de adolescentes. Mas eles é que teriam a ousadia de fazer a coisa diferente, a irreverencia da idade, a criatividade aflorando. Quando adquirimos toda a experiencia, qualquer mudança é complicada e colocamos uma série de empecilhos para que a gente fique acomodado, sem stress.

- e quando conseguimos juntar uma boa grana, ela ficará para os herdeiros. Não foi possível utilizá-la por causa da cadeira de rodas, das dores, da acomodação e da vidinha caseira.

E essa conta bancária gorda seria um prato cheio para quando éramos jovens e com disposição, vontade e curiosidade para fazer de tudo e explorar o inexplorado.

Coisas da vida !

sexta-feira, novembro 30, 2012

Sugestão de letra pra samba-enredo nada a ver !

Os dias estavam contados
quando a corte chegou ao Brasil
Maria Louca dançando no navio
Com os escravos acorrentados

A Lua trazia a mensagem
de uma nova era visional
enquanto a Arena do Gremio
se preparava pro jogo inaugural

O azulzinho gritava
na esquina que deixou ser democrática
pois Dom Pedro num gesto genial
declarou a era da informática

Bits e baites do HD
que precisava de configuração
pois a era medieval já dava adeus
no Brasil, do nosso povão

(estribilho)

Que o Rei seja bem-vindo
na avenida que o povo lotou
e as luzes das estrelas bem distantes
anunciavam que o samba chegou


sábado, novembro 24, 2012

O Fim do Mundo !

- Será ? É muita lorota em torno disso !
- Pode até ser mas "dizqui" é mes que vem !
- Mas quem disse ?
- Sei lá....tão dizendo por aí !
- Tchê, vou te contar uma coisa.....fim de semana passada fui no sítio de um amigo. E sou daqueles que gosta de dar uma caminhada pelo campo. E o cara tem algumas vacas ! Tu não vai acreditar mas quando passei por uma delas a vaca tossiu !
- Tossiu ? Seria aquele ditado " nem que a vaca tussa ?" está se concretizando ?
- Pois é ...fiquei assustado...pensei a mesma coisa, tchê !
- Barbaridade ! É o fim do mundo se aproximando !
- Mas agora vem o mais surpreendente daquele final de semana !
- Ah, não !
- Quando a vaca tossiu e eu olhei pra ela, tinha uma cobra deitada bem embaixo dela. Fumando um Marlboro !
- Nãaaaaaoooooooo.........
- Vi a caixinha ali do lado !
- Meu Deus....é o fim do mundo !

quarta-feira, novembro 21, 2012

Querem ditar minha vida !

Querem que eu tenha um comportamento perante minhas postagens
meu linguajar não poderá agredir ninguém
minhas opiniões não podem ir contra a filosofia do autor
serei, então eu, um eterno palhaço do circo cuem-cuem

Seria isso um tipo de medo
de saber sobre o que estou pensando ?
seria um tipo de defesa
sobre aquilo que estou indagando ?

As pessoa sentem medo de elas mesmas
a ponto de abdicarem das suas prórpias teorias
sejam elas certos de serem aplicadas
sejam elas simplesmente fantasias, alegorias

Meus amigos mentem descaradamente
e esperam de mim uma amizade real
mal sabem eles que esse teatro todo
se desmancha como num vendaval

Prefiro ficar solito, pequeno
a querer ser grande
num mundo distante
cuja realidade se transforma num ínfimo terreno

sábado, novembro 17, 2012

Atrair coisas boas !

Não é difícil, como muitas pessoas pensam. Atrair coisas boas deveria ser um tema de casa constante, diário, para que pudéssemos nos acostumar a vivenciar coisas simples e que nos dão muito prazer.

Tive a privilegiada oportunidade de passar uma tarde de sábado na companhia de um amigo o qual o considero muitíssimo. Nem sempre o que ocorre cara-a-cara é o mesmo resultado de uma comunicação via internet.

Mas, no caso desse sábado, tive o privilégio de poder apreciar um visual de tarde e fim de tarde nesse dia de sábado, longe dos meus redutos.

Uma oportunidade ímpar, ouso falar. E que me trouxe uma paz interior que há muito tempo não me aparecia.

Obrigado, GT, por esses momentos ! Espero, um dia, retribuí-los !

domingo, novembro 11, 2012

Um pouco sobre gestão e futebol !

As empresas, principalmente as competitivas, sejam elas de qualquer tamanho, estão sempre de olho em  gestores atualizados, dinâmicos, objetivos, criativos comprometidos com resultados, entre outras tantas qualidades. Tendo uma boa remuneração para o cargo, as cobranças são constantes pelos bons resultados.

Mas fico impressionado como isso não se aplica em clubes de futebol, mais especificamente no caso do time que eu torço, o Internacional, e rios de dinheiro são jogados fora mensalmente com gente desqualificada, entrando nessa turma jogadores e dirigentes de todos os níveis.

Alguma coisa deve rolar paralelamente a esse descaso de gestão, não tendo qualquer preocupação ou comprometimento com resultados. Um que outro se esforça mas a acomodação com altos salários dos jogadores e total cegueira administrativa dos dirigentes, faz com que o clube beire o ridículo e se tornando saco de pancada de timecos cuja folha de pagamento poderia ser toda paga com o que gastamos com a nossa defesa.

Alguma coisa rola paralelamente que eu desconheço.

E a nossa fiel e imensa torcida que, como eu, deposita religiosamente alguns reais para sustentar o nosso time, sequer participa das eleições onde os incompetentes se reelegem por um grupo seleto de pessoas que tomam as decisões do clube. Decisões erradas, diga-se de passagem !

Decisões que eu estou tomando eu deixar de contribuir monetariamente para o clube.

Torcedor, sim ! Palhaço, não !

quarta-feira, novembro 07, 2012

O buteco e os uruguaios !

Sou da teoria que as coisas mais sensacionais da vida ocorrem em ambientes simples, inusitados, de surpresa, em envolver qualquer tipo de dinheiro, lugares caros, ambientes metidos que não passam de bostas com grife.

Pois hoje, na saída da minha aula, sempre passo por um buteco que tem no outro lado da rua. Para minha surpresa, ali estavam dois uruguaios, Um violinista e um cantor. E bota dupla boa nisso.

Sensacional ! Supimpa ! Singular !

De uma hora pra outra me deparei com um som cativante, tangos, milongas, bossa nova.... A dupla valia 100 reais de ingresso em qualquer teatro que se apresentassem. Mas estavam ali. Simplesmente ali ! Num buteco, cantando canções sensacionais com direito a pedidos, o qual eu fiz, cuja música era o tango..... Por Uma Cabeza !

Não tenho palavras para descrever minha emoção ao ouvir aquela dupla, até então desconhecida de mim, numa interpretação extramente contagiante, segura, afinada, de coração.

Isso, pessoal, não tem preço ! Mas só vivenciam essas situações as pessoas que não tem frescura com as coisas, com a vida, com as pessoas.

sábado, novembro 03, 2012

Redes sociais ? Grande bosta !

Tá certo que muitos irão me criticar sobre o texto abaixo mas eu questiono muito a participação das pessoas, inclusive a minha, na rede de amigos dos "sites" sociais.

Na minha lista tem gente que nunca vi na vida mas estão ali por algum interesse em comum. Mas será que deveriam estar ali já que não acontece qualquer tipo de entrosamento e comunicação ?

Tenho conversado com alguns psicólogos e as respostas sempre aparecem termos tipo carencia, medo, falta de objetividade, relacionamento interpessoal fraco e aí por diante.

Nisso tudo, como o indivíduo se cadastra numa rede e abre-se uma frente ilimitada de possibilidades sem qualquer questionamento, a pessoa se solta e vai adicionando no seu grupo uma série de pessoas, além dos parentes e amigos mais próximos, sem qualquer constatação sobre essa pessoa e tão pouco chamá-lo na rede de amigos disponíveis "on-line" para um bate papo descontraído.

Eu já tentei várias vezes tentar uma conversa no Facebook com algumas pessoas que estão na minha lista de relacionamentos (e que muitas nunca vi nem conversei) mas nunca fui correspondido.

Pergunto o porquê dessa necessidade de quantidade em prol da qualidade ?

Fica o termo para ser pensado e debatido !

sexta-feira, novembro 02, 2012

Um diálogo e muitas referências !

- Sabe quem eu encontrei ontem na fila cinema ? O Sem Noção !
- Putz ! Aquele cara é muito chato ! Ele ainda tá com a Gordinha ?
- Tchê, ele tava era com uma Loira de Farmácia ! Muito feia...
- Me falaram que a Gordinha tava guampeando ele com o gerente da nossa agência.
- Aquele das Gravatas Escandalosas ? Bah, que duplinha !
- Ô, meu....mudando de assunto...tá ligado na Peituda do RH ?
- Tô ligado...
- Vi ela entrando naquela Boate de Lésbica na quinta de noite.
- Sério, meu ? Tu diz a boate daquela Rua Com o Canteiro no Meio ? Porque tem aquela outra perto da Farmácia da Gostosa...Se bem que ali vai viadinho também.
- Ela tava de mãozinha com a Dentuça da Recepção !
- Nossa.....que duplinha !
- Hahaha.....tomamos mais umas ?
- Aham......deixa que eu chamo o Pinguim aí pra nos trazer mais uma rodada.

sexta-feira, outubro 26, 2012

De olho nos prazos de validade !

Nasci e cresci consumindo produtos de todas as espécies e sem verificação do seu prazo de validade. Produtos, esses, comprados, principalmente, em supermercados.
Naquela época, me refiro até os anos 80, nenhum produto vinha com o prazo de validade. Um que outro tinha impresso alguma recomendação nesse sentido.

Volta e meia alguém da família, amigos, etc... passava mal por ter ingerido alguma coisa que não estava própria para consumo. Bem parecido com os dias de hoje.

Pois nessa minha última viagem com destino ao Uruguai, cidade de Rivera, fui à Rua Agraciada, famosa por ali se concentrar inúmeras casas de queijos e armazens com suas especiarias. Aproveitei para comprar algumas embalagens de "dulce de leite" para trazer de presente a alguns amigos que me fizeram certos favores nesse ano.

E um desses presentes, o qual eu não verifiquei, estava com o prazo de validade vencido e o presente foi devolvido pelo agraciado o qual estava, quando abriu, completamente mofado. O prazo de validade venceu em maio e estava lá na loja, em pleno final de outubro, bem tranquilo na prateleira para ser comprado por um trouxa tipo eu.

Geralmente eu olho os prazos de validade de tudo que compro mas especificamente nesse produto que era tipo um tarrinho de leite (os demais eu olhei) passei reto direto pro caixa. Deu no que deu !

Olhar a validade dos produtos sempre é bom e aconselhável e deve ser uma prática obrigatória quando vamos comprar qualquer coisas que exija esse tipo de controle.

domingo, outubro 21, 2012

Previsão do tempo no Rio Grande do Sul

Quarta-feira, noticiário do tempo:

Preparem-se para muita chuva nesse final de semana. O temporal com rajadas de vento já começa na sexta à tardinha e a chuvarada segue até domingo, melhorando o clima na segunda com temperaturas amenas e céu limpo.

Quinta-feira, noticiário do tempo:

A chuva que chegaria na sexta, parou no meio do caminho pra se abastecer de água e chega com toda força no sábado. Verdadeiros baldes de água cairão sobre suas casas. A temperatura continua alta mas vai depender de a chuva vir fria ou mais morninha. Hehehe !

Sexta-feira, noticiário do tempo (já com outro apresentador. O antigo foi demitido):

Sexta e sábado de Sol em toda a região gaúcha. A temperatura continua alta e a credibilidade de nossa informação caiu vertiginosamente. Segunda-feira com muito frio e tempo seco.Tirem seus edredons dos armários e aproveitem para colocar nesse Sol quente que vai até domingo.

Sábado, noticiário do tempo ( apresentador de capa de chuva e galocha ):

Uma frente fria chegou repentinamente da Argentina, o chamado El Ninhinho, o filho do El Niño. Nem avisou. Saiu lascando uma chuvarada filho da puta que pegou todo mundo desprevenido, inclusive nós aqui, com grande goteiras no estúdio. Mas na segunda-feira, volta tudo como era antes ou muito antes pelo contrário.

Domingo, noticiário do tempo ( apresentadora nova ):

A chuva que castigou o Rio Grande do Sul vai continuar e os torcedores que irão ao Beira-Rio nessa tarde devem levar agasalho pois o tempo vai mudar devido a namorada do Niño que trará uma frente fria jamais sentida aqui. Que guriazinha safada, tchê !

Segunda-feira, manchetes nos jornais:

Nunca se viu tanta doação para a campanha do agasalho no jogo do Inter, ontem no Beira-Rio. Apesar da alta temperatura, milhares de torcedores deixaram seus casacos nos portões do estádio e a arrecadação foi gigantesca. O Inter perdeu para um time da zona de rebaixamento, de virada.

segunda-feira, outubro 15, 2012

Fernandão e o capitão Nascimento

Revendo esses dias o excelente Tropa de Elite 2, me fez pensar uma situação que se assemelha, penso eu, entre o vivido pelo capitão Nascimento e o técnico do Inter, o Fernandão.

Quando o colocaram em um postochave na hierarquia política e policial no governo carioca, o Cap Nascimento imagina que muitas estratégias que ele tinha bolado para acabar com a marginalidade e colocar ordem na casa, não começaram a dar resultado, apesar de todo o seu empenho. Desconfiava que o cerne do problema estava justamente a sua volta. Na própria equipe de que fazia parte.

Imagino que Fernandão viva coisa semelhante. O time belisca o G4 mas está longe da zona de rebaixamento. A torcida não se envolve muito porque, volta e meia, o time joga bem e justifica o alto investimento numa cambada de jogadores em fim de carreira mas que acharam aqui, em Porto Alegre, uma cambada de pessoas que os acolheram. Alguma coisa cheira mal nisso tudo. Os salários são exorbitantes, talvez tenhamos o time mais caro do campeonato brasileiro e o resultado desse investimento é ridículo.

Um professor que tive na faculdade, que sempre cobrou a competencia aliada com resultados, faz parte da diretoria. Uma estranha divulgação da teoria e prática. Ou o professor é ruim ou coisas mais delicadas estão envolvidas nesse simples raciocínio e que fogem a alçada da torcida, dos comentaristas e de quem estiver interessado no assunto, como eu.

Fernandão está numa situação parecida com a do Cap Nascimento. Ou ele chuta o balde e poem às claras o que está acontecendo no Inter ou ele é incompetente mesmo e não consegue dar um rumo a um time repleto de estrelas, com salários estratosféricos e que o resultado beira ao rídulo em função de todas essas armar disponíveis.

Reflitam sobre isso ! Eu acho que temos coisas mais sérias por trás disso tudo !

domingo, outubro 07, 2012

Eleição Obrigatória !

Acredito que em país civilizado
dia de eleição é dia de decisão
se saio de casa ou voto
ou passo o dia no bar do João

Obrigar as pessoas a fazerem coisas
que invariavelmente discordamos
está longe de uma democracia
que tanto almejamos

Se o cara que for eleito
mostrar que é bom
eu até acordo mais cedo
pra confiar nesse dom

O que não quero
é que me obriguem a votar
como se isso fosse um ato
que fosse adiantar
a acabar com os corruptos
e a tranquilidade voltar

Certamente vai ter alguém
que dirá que meu voto faz a diferença
mas no contexto da situação
fica fora a realidade e sim a crença

Voto tem que ser facultativo
e o bom político que se garanta
fazendo as coisas certas
deixando animada a bailanta

terça-feira, setembro 25, 2012

Vai ter que sair !

O mocotó estava excelente
feito pela D.Silvana
mas alguma coisa ía acontecer
a turma estava em campana

Conversa vai, conversa vem
e a situação piorando
precisava ir pra um refúgio
não estava mais aguentando

A barriga começou a inchar
e o que fazer nessa situação ?
ou todo mundo escuta e foge
ou quem foge sou eu para o porão

O tempo foi ingrato
pois os segundos corriam sem parar
ou eu largo esse peido aqui
ou vou na bombacha me cagar

domingo, setembro 23, 2012

Políticos despreparados nas eleições !

Tenho batido nessa tecla há muito tempo e acompanhado as propostas e promessas de campanha dos prefeitos, principalmente os daqui de Porto Alegre.
O último debate na TVCom foi cômico, em certos momentos. Um deles chegou a falar na implantação do parlamentarismo como se isso fosse atribuição de um prefeito de cidade. Tava mais por fora e desinformado que banguela em churrascaria.

A do partido comunista (aff..) falando em incentivar o empreendedorismo. Lenin devia estar se revirando no caixão quando ouviu de uma comunista uma coisa dessas.

Tirando-se os projetos mirabolantes e devaneios que saíram da boca desse pessoal, ninguém falou em coisas básicas que, com certeza, o cidadão ficaria feliz em ouvir, tipo:

- acabar com ruas estreitas que tem 2 mãos e estacionamento dos dois lados
- acabar com os desníveis nas ruas
- acabar com a buraqueira nas calçadas
- acabar de vez com a quantidade enorme de buracos nas ruas
- arrumar de vez a iluminação nas calçadas, baixando as luzes em função das árvores maiores
- cobrar do governo do estado policiamento constante e fixo nas ruas e pontos críticos de constantes assaltos
- melhorar e qualificar melhor a Carris, hoje jogada às traças e com ex-diretor exonerado por roubalheira, sendo do mesmo partido do atual prefeito
- melhorar as secretarias municipais colocando gente que entende da pasta e não servindo de cabide de emprego
- melhorar a sinalização da cidade com placas e indicações que orientem as pessoas
- acabar com paradas de ônibus em cima de viadutos onde as pessoas dependem de um elevador, de uma escada rolante, quase sempre estragadas

E por aí vai...

Ninguém fala nisso pelo simples fato que os candidatos não estão aptos e muito menos com formação acadêmica para administrar uma cidade como Porto Alegre.

Estão é à serviço de seus partidos, de acomodar incompetentes com cargos públicos, fazendo qualquer parceria, coligação e prostituição em prol desse infeliz objetivo.

E quem paga a conta é o pobre cidadão, atolado em pagamentos de impostos e que não enxerga a reciprocidade de aplicação dos recursos em sua cidade.

sábado, setembro 22, 2012

Um Lugar pra Viver !

"Além do horizonte deve ter, algum lugar tranquilo pra se viver em paz". Roberto Carlos já cantava essa música muitos anos atrás onde não existia tantos carros, tanto stress, tantas coisas negativas para se morar numa cidade grande.

Não sei como seria minha adaptação em morar numa cidade pequena, com menos de 1 milhão de habitantes. Sei que essa quantidade toda de pessoas não vai interagir na minha vida se eu morasse numa cidade com 250 mil pessoas. Acontece que o fato de ter muitos habitantes, as opções de lazer, gastronomia, culturais, e por aí a fora se multiplicam.

Nâo que viver numa cidade menor seja ruim. No caso de Pelotas, é uma cidade com inúmeros bares, eventos culturais, geografia interessante e que eu não descartaria me morar, diga-se de passagem, na minha atual idade, pois se fosse quando eu tinha na faixa dos 20 anos, nem pensar em ficar num lugar deste.

Amo de paixão Porto Alegre e São Paulo. Não descarto uma Florianópolis. Parece ser um prolongamento do Rio Grande do Sul . Me mudaria pra lá de mala e cuia.

Mas o que seria o lugar ideal pra morar ? Esse lugar é onde a gente se sente bem ! E isso é o que mais importa !

quarta-feira, setembro 19, 2012

O ser humano é mesmo complicado

Tendo entender certas pessoas mas não consigo. Falta a faculdade de psicologia que tanto quis fazer. E que talvez um dia faça. Esses desafios de relacionamento me deixam mais criativo, mais pensativo, mais curioso e, também, bastante indignado. A decepção parece caminhar com tudo isso. Tem pessoas que sentem prazer em decepcionar os outros. Sei lá onde isso pode ser explicado na psicologia.

Tenho certeza de quem faz isso ou toma esse hábito diário obrigatório de uma certa frequencia em sua vida, tenha satisfação nesses atos ou acaba com a cabeça no travesseiro, no íntimo da sua cama, chorando como um bebê que desconhece o caminho da solução de seus problemas.

Não acredito que uma pessoa que tenha isso como uma constante em sua vida possa ser feliz. Me refiro, aqui, a felicidade como um momento de paz interno, sem estar magoado com qualquer coisa, com vontade de ouvir uma boa música, conversar prazerosamente com alguém, sair caminhando pelas ruas sem destino.

Infelizmente, acabamos cruzando com pessoas assim. Umas que a gente nunca conheceu direito e outras que fazem questão de mudar pra pior.

Faz parte da vida tudo isso ! Faz parte dar um chute na bunda dos que se atravessam no nosso caminho com esse tipo de comportamento ! Faz parte tomar atitudes que nos devolvam a felicidade que tínhamos anteriormente !

terça-feira, setembro 11, 2012

Um novo astro na parada !

Divaneiva era cancheira velha. Sabia das manhãs dos artistas, das suas esnobações e sempre foi muito eficiente nesse sentido. Nunca questionava nava. Apenas cumpria com afinco os pedidos. O pessoal do Teatro do Sesi estava curioso, assim como os da produção desse novo artista. Quem seria esse cara com tão estranhas exigencias de coisas para o seu camarim no dia do show ? Divaneiva , ao ler o que deveria ser providenciado, quase soltou uma risada mas se conteve pois aquele era o seu trabalho e sempre foi muito profissional. Nunca questionou absolutamente nada. Sempre se empenhou em agradar o artista nos seus pedidos quando passou por nossa cidade. Era assim que ela encarava as coisas.

E a lista chegou as suas mãos. Entre os itens, estavam:

- caixas de Mariola (duas tá bom, conforme relato do artista)
- 2 pacotes de Mandiopãn
- 4 litros de Minuano Limão
- 1 cobertor Parahyba, daqueles xadrezinhos
- 4 Miojo Lamen saber Galinha Caipira
- DVD do filme Sonho de Verão, com Sérgio Mallandro e Os Paquitos
- 4 exemplares da revista Coquetel, de palavras cruzadas, dificuldade média
- uma tv portátil preto e branco
- 2 sabonetes Eucalol, cor verde
- 1 Bombril
- 1 caixa de Durepox
- 1 líquido de "limpa lentes"
- e um rádio portátil, de pilhas, já sintonizado na Guaíba.

Dona Divaneiva , em 2 dias, conseguiu tudo que o artista queria, menos o sabonete Eucalol que não é mais fabricado. O artista aceitou substituir por um Quatro Estações, da mesma cor.

Dois dias antes do show, ninguém sabia ainda quem era o artista. Até na mídia anunciavam aquela atração especial que jamais havia pisado os solos gaúchos.

Até o fechamento dessa crônica, ninguém ficou sabendo quem era.

quinta-feira, setembro 06, 2012

Feriadão da Boiada

Sexta-feira no calendário
anunciando um descanso a mais
e o povão se programando
para estragar um dia de paz

Para a grande maioria
feriadão significa confusão
carro cheio rumo à praia
stress, pedágios e atormentação

Ninguém consegue refletir
como é bom ficar no lar
fazendo boas comidas
vendo filmes engraçados e de arrepiar

Pois não consigo viver
em forma de boiada
enquanto o povo vai pra um lado
me acomodo, aquietado
num descanso numa poltrona atirada

segunda-feira, setembro 03, 2012

Um final de tarde no Bom Fim

Morei muitos anos no Bom Fim. Um bairro tradicional, muitos judeus, muitos espaços alternativos, muitos estudantes da UFRGS, muito espaço cultural e uma boemia que se foi com o passar dos anos, sendo transferida para o bairro Cidade Baixa.

Ainda assim, persiste um lugar, o Bar Ocidente, que continua com a mesma cara desde os anos 70. Cheguei a tocar nesse lugar com a minha banda nos anos 80 e foi um de nossos melhores shows. Com uma produção bastante alternativa do nosso empresário na época e hoje arquiteto, o Rogério DalMolin, fizemos uma performance que o público alternativo frequentador do local adorou. Me lembro que a chamada para o show era um grande Band-Aid em forma de banner onde ali estavam os detalhes do show. Muito boa a criação do nosso amigo Rogério. Me lembro que pessoas formadoras de opinião e profissionais de rádio foram ver aquela banda que era uma das promessas do rock gaúcho e que, anos depois, lançava seu disco pela Sony Music.

Mas o propósito dessa postagem foi um rápido passeio pelo bairro e uma parada, quase que obrigatória, na Confeitaria Maomé, dos meus amigos Antonio Harb e sua mãe Therezinha.

Como sempre, fui extremamente bem atendido, inclusive tratado pelo meu nome, em um lugar onde tive uma passagem profissional bastante gratificante e que pude por em prática vários conceitos administrativos em prol do sucesso dessa empresa. A consultoria que efetuei na época era de uma filial que ficava no Shopping Praia de Belas e ali aprendi muitas coisas, principalmente nos desafios de gerenciar uma equipe de colaboradores extremamente ecléticos entre si e com fortes personalidades desafiando constantemente meu trabalho.

O tempo passou, novas frentes foram surgindo na minha vida e hoje não deixei de dar uma passada na Maomé , na rua José Bonifácio, para dar um a braço no sempre companheiro Antonio Harb que lá estava, de bandana e uniforme, atrás do balcão atendendo junto com sua equipe. Atitude típica de quem ama seu trabalho e de quem lidera com muita maestria uma grande equipe que faz com que a Confeitaria Maomé seja uma referencia no seu segmento em nossa Porto Alegre. Lugar, privilegiadamente conquistado, ao longo de seus mais de 25 anos prestados à população da nossa cidade.

Fiquei pouco tempo sentado, numa cadeira de diretor de cinema, ali na rua, mas que me motivaram a escrever esse depoimento desse lugar que guardo sempre na minha memória com muito carinho.

A começar pelos donos que sempre transmitiram carinho a quem estava ao seu lado e retribuo da mesma maneira.

quarta-feira, agosto 22, 2012

O velho Firula !

- Te lembra do Firula ?
- Que Firula ?
- Aquele que trabalhava no almoxarifado. Sempre enrolando !
- Ahh, sim...que tem ele ?
- Disseram que viram ele com um gurizinho no shopping !
- Tá, mas viram o que ?
- De mãos dadas, afagos, essas coisas meio gay !
- Mas não era filho dele ?
- O Firula nunca casou ! Acho que nem teve filhos também !
- Tá mas o que tem isso demais ? É bem normal hoje em dia ainda mais que aquela namorada do Firula, naquela época, era um bagulho só.
- Sim, eu lembro. Ela aparecia nas nossas cervejadas e entornava um litro num tiro só. Baita pinguça !
- Aham...se tivesse que cagar num penico, cagava fora, tamanho a bunda da criatura.
- Hahahahaha....tu é linguarudo, hein ? Como gosta de falar dos outros !
- Que nada ! Mas me diz , como é esse gurizinho que o Firula tá saindo ?
- Garçom, encerra a conta aí !

segunda-feira, agosto 20, 2012

O que queremos com as redes sociais ?

Chegou um garoto que, de uma hora pra outra, montou uma rede de relacionamentos onde qualquer um pode entrar, formar seus grupos e postar (quase) tudo o que quiser.
Dada essa liberdade quase que irrestrita, milhões de pessoas, por todos os cantos do planeta, começaram a utilizá-la com os mais diferentes objetivos, já que nunca houveram regras iniciais de utilização e sim regras de  um uso mais social sem apelos pornográficos ou publicações ofensivas.

Nessa rede, especificamente o Facebook, as pessoas podem criar grupos de qualquer espécie, para discutir assuntos, discutir temas e comportamentos, e tudo o que você pode imaginar. Esses grupos poderão ser abertos a qualquer um ou somente para convidados ou secretos.

Para os que tem uma conta no Face, verá que dessa salada surgiu um prato extremamente exótico mas esperado. As pessoas utilizaram essa ferramenta gratuita para fazer amigos, brigar com amigos, xingar inimigos, postar temas interessantes, propor coisas interessantes, fazer bastante fofoca, falar mal das pessoas (incluso nas fofocas), escrever pornografias, vender produtos, fazer propaganda de si próprio, compor grupos para falar da vida alheia, colocar frases de pessoas que nunca leram o livro do suposto autor da frase, postar fotos de lugares bacanas, de situações diversas, da família, postar suas próprias fotos, avisar sobre shows e eventos culturais, incluindo bailes funk, e por aí vai. A lista é enorme.

Eu já fui vítima de pessoas denegrindo minha imagem. Acabei descobrindo por denúncia de outras pessoas (sempre tem um que denuncia) que me passaram um "print" de alguns covardes que preferem esse tipo de ação, às escondidas, que enfrentar a pessoa em questão, ao vivo. Mas isso já foi superado, se usou a ferramenta disponível de deletar ou bloquear essas pessoas e a vida continua. Certamente devem ter continuado com a brincadeira sem eu saber ou zuando de outros sem eles terem um Judas para denunciar.

Mas o que eu questiono é o que tiramos dessa grande salada humana ? As pessoas estão aqui para tirar proveito dessa facilidade de contato procurando trocar informações culturais com outros, de fazer novos amigos, etc..ou simplesmente para se divertir pois isso caiu como uma luva na sua vida pois a mesma estava chata, sem novidades, e as tv´s à cabo e os livros não foram suficientemente eficientes ou competentes para atraí-lo ?

Deixo aqui essa reflexão a qual acho interessante num momento onde temos pessoas preocupadas com essa livre comunicação e lançando livros sobre éticas de relacionamento nas redes, psicólogos recebendo pacientes que se dizem dependentes da internet, outros que se acham rejeitados pois a amiga tem mais de 1.000 amigos e ela só 300. E posso afirmar que muita gente perdeu amigos legais, inclusive eu, por termos contatos constantes pela internet. Não perderia se não houvessem redes sociais. As pessoas se iludem com novas amizades e acabam deixando de lado aqueles que realmente poderiam ser seus amigos. Uns até são assassinados, humilhados, explorados sexualmente e financeiramente, nos primeiros encontros ao vivo.

Eu sempre digo o seguinte. Minha lista de amigos, incluindo muitos da família, hoje está em 261. Garanto pra vocês que se eu morresse amanhã e alguém se dispusesse a publicar isso no Face, não iria mais de 80, incluindo os familiares no enterro.

Não é desprestígio pessoal ! É a pura futilidade das redes sociais !

quarta-feira, agosto 15, 2012

Ações e Objetivos !

Já desconfiava disso antes de fazer a faculdade de administraçao de empresas. Ações são seguidas de objetivos. SEMPRE ! Não há razão de fazermos algo sem objetivo algum. Sempre esperamos ou queremos ou nos empenhamos para um resultado, geralmente positivo, mais adiante.

Isso se aplica a qualquer coisa e está sempre no nosso dia-a-dia. Mas vou me ater aos textos, postagens, artigos, crônicas, seja lá o que for que são criados, redigidos e publicados na internet nos mais diferentes canais disponíveis.

Leio, diariamente, dezenas de coisas diferentes mas tem umas que me intrigam. São aquelas postagens num linguajar rebuscado, cheio de palavras não usuais e que me remetem a consultar um dicionário a cada etapa do texto na tentativa de unir as palavras e achar algum contexto naquela suruba literária.

Pergunto, agora, qual o objetivo disso ? Se a pessoa que escreveu dessa maneira deve ter um objetivo sendo que está incluso exatamente esse que estou fazendo: questionar ! Ou escreve assim para que poucos entendam, ou nem entendam ou o autor nem sabe o que está escrevendo ou escreve um monte de coisas desconexas para mostrar que sabe escrever diferente sendo que, no fundo, aquilo acaba sendo um amontoado de palavras que nada transmite e para nada irá servir ou aquilo serve para satisfazer seu ego que está num patamar pra lá de Bagdá e ainda não encontrou um dromedário que o traga de volta. Ou seja, vira um lixo literário e uma grande perda de tempo: para quem digita e cria e para quem lê que nada absorve.

Não deixa de ser um objetivo ! Pra que ? Sei lá ! Quem escreveu que se explique ou deixa assim mesmo !

segunda-feira, agosto 13, 2012

Confio no Brasil em 2016 !

Estava ontem sentado na sala com minha mãe, assistindo ao encerramento das Olimpíadas, e ela me questionou:
- Será que aqui no Brasil teremos capacidade de fazer uma festa linda como esta ?
- Sim, com certeza ! respondi.

O Brasil é um país de muita gente talentosa, criativa, inovadora, com ingredientes de descontração que muitos países não tem por serem sérios demais. Nosso jeito de ser certamente nos levará a fazer uma festa impar, diferente, engraçada, emocionante, contagiante e que levarão muitos brasileiros às lágrimas por pura emoção e orgulho do nosso povo.

Juntaremos os carnavalescos, os cineastas, os músicos, os teatrólogos, os publicitários, os engenheiros, os administradores, os psicólogos, os arquitetos, os circenses e comediantes, os empresários, os milhares de voluntários e todas as torcidas futebolísticas unidas e faremos uma grande festa jamais vista. Basta, somente, organizar e incentivar a participação de todos nós.

Confio muito na nossa capacidade de criar coisas, de acolher os povos de todas as nacionalidades e credos e de fazer uma grande confraternização. Muitas vezes nem é necessário o uso de tecnologias de ponta para se fazer isso. Temos como símbolo um grande abraço. Um abraço carinhoso onde não questionamos quem está ao nosso lado.

A partir desse símbolo, muito bem escolhido, poderemos fazer muita coisa bacana, simples, envolvendo a participação do grande público vindo de todos os lugares a participar também.

Confio na nossa capacidade criativa. Confio numa grande festa em 2016 ! Confio no Brasil !

sábado, agosto 11, 2012

Os cagões virtuais !

Ou os tímidos metidos a curiosos. Essa turma é que chamo dos cagões virtuais da internet. Que tem medo de meter a cara onde se metem nas redes sociais. Os famosos "fakes" !

De onde vem esse medo ? Seus pais devem ter sido aqueles que, quando compraram um apartamento naqueles bairros onde o teu vizinho peida e tu escuta, sendo que ele mora no outro lado da rua, e adquiriram um binóculo para brincar de "vouyer"  e bisbilhotar os comportamentos e vida alheia.

Leigamente falando, deve vir daí o DNA pra essa pré-disposição.

Gostaria de ter a opinião de um psicólogo para saber que tipo de pessoa tem esse comportamento. Isso ajudaria a gente a selecionar melhor as amizades. Pois se a pessoa tem essa índole naturalmente, achando normal se passar por outra identidade, certamente vai aprontar alguma futuramente contigo.

Talvez a explicação seja de que assistia demasiadamente seriados do Batman ou outro super-herói e admirava a vida secreta paralela que eles levavam.

Santa curiosidade, Batman !


sexta-feira, agosto 10, 2012

As Olimpíadas e o Zé Mané !

Esse tipo de competição onde reúnem-se gente de quase todas as modalidades esportivas aberta a todos os países que quiserem competir não foi criada há pouco tempo. Vem de muitos anos atrás. E nós, brasileiros, sempre com desempenhos na faixa do modesto ao ridículo.

Potencial nós temos de sobra. O que falta é uma política esportiva, um programa de incentivo, um grupo que esteja realmente comprometido com resultados satisfatórios de acordo com a quantidade de esportista disponíveis para isso.

Esse tipo de pergunta, sobre a inexistencia de programas nesse sentido, nunca foi questionada nos debates políticos aos que estão dispostos a encarar um desafio onde o campo está abertíssimo e consagraria a pessoa que assumisse a questão.

Eu, por exemplo, colocaria todos os meus conhecimentos adquiridos na faculdade de administração para ser o ministro dos esportes que colocaria em prática uma série de ótimas idéias para sermos extremamente competitivos nos esportes, em todas as suas modalidades. Pois nem no futebol estamos conseguindo sermos os primeiros pelas razões anteriores apresentadas.

Mas a pasta do esporte sempre é dada pro ministro Zé Mané que não sabe que está com tudo na mão para fazer um brilhante trabalho. A pasta não é a que recebe as verbas mais generosas e que dará pouca margem à roubalheira, geralmente seu principal objetivo. O Zé Mané desconhece que existem empresas ligadas ao esporte que investiriam verbas generosas caso houvesse um projeto consistente para o esporte brasileiro.

O Zé Mané vem de um partido minúsculo da suruba das coligações e nem tem formação cultural para fazer qualquer coisa que preste e que de resultados positivos.

Nossa performance nas olimpíadas tem o retrato do Zé Mané ! E viva o Rio 2016 !

terça-feira, agosto 07, 2012

Não sou o certinho !!

Mas tem muita coisa errada nesse mundo, nesse país, nesse estado, nessa cidade, nesse bairro, nessa rua, nesse condomínio, nesse andar, nessa casa, no meu quarto, em mim !

segunda-feira, agosto 06, 2012

A Blindagem da Metade Sul !

Sim, eu sei ! Sou um crítico chato, participante, difícil de ser expurguido. Sou daqueles que aproveito os detalhes da "deixa" para fazer o comentário oportuno. E os pelotenses nunca se dão conta desse detalhe pois ainda se acham reinando um período que não existe mais.  Que já cedeu o lugar para uma outra turma mas que a aceitação do fato em si se torna difícil, inaceitável, inacreditável.

Pelotas perdeu a condição do "glamour" há muitos anos atrás. A referencia cultural gaúcha deixou de ser citada na mídia, o Theatro Guarani começou a perder espaço pela reforma e instalação dos aparelhos de ar condicionado do São Pedro. Roberto Carlos até não deu bola pra isso mas tem reclamado da falta de conforto do Guarani e das acomodações do Manta.

Pelotas não deu o braço a torcer da condição perdida de referencia cultural gaúcha. Nesse cego roldão, vieram os artistas locais, achando-se os donos do pedaço. Achando que suas obras sempre seriam a referencia cultural da ousadia musical, teatral, cultural. O Grupo Tholl tem mostrado que Pelotas se tornou apenas um local de ensaio de um excelente grupo de arte. Mas que , a grande maioria artística, se perdeu na referencia.

Uma pena. Tenho acompanhado trabalhos excelentes de artistas locais mas que acabaram esbarrando numa arrogancia que só os pelotenses enxergam.

Uma dose de simplicidade resolveria toda essa questão. É só querer enxergar que, partir do começo, de uma nova realidade, lhes traria ótimos resultados.

sábado, agosto 04, 2012

O elogio explícito !

Nada contra, pra começar o papo, mas acho estranho, pelo menos não muito visto por aí, elogios explícitos a uma obra de um amigo. Essas coisas acontecem, geralmente, numa mensagem direta, pessoal, elogiando e dando os parabéns ao autor.

Quando a coisa é publicada para o público em geral, eu entendo como sendo uma forma de dar uma força ao amigo e divulgando a obra e, ao mesmo tempo, fazendo o comentário ou o cara é do ramo, tem o costume de fazer isso numa coluna de jornal ou num blog ou qualquer outro meio de divulgação. Mas, na primeira forma, soa estranho pois não é uma característica da pessoa explicitar assim, tão abertamente, o contentamento com o que o amigo fez ou criou, a não ser que a relação entre ambos seja mais íntima e isso venha ser uma demonstração de carinho à amizade. Uma retribuição de alguma coisa.

Escrevo isso pelo fato de ter lido tal coisa na internet vindo de alguém que nunca fez isso anteriormente. Pode ser o início de uma nova fase de escrita, sei lá. Mas me chamou a atenção. Aliás, tem certos blogs que acompanho que são verdadeiras fontes de inspiração para minhas singelas escritas.

Assim que me formar em administração pretendo fazer a faculdade de psicologia para entender melhor o ser humano. Acho sensacional analisar comportamentos e acompanhar as coerencias e incoerencias do ser humano consigo.

Um viva a Peaget, Freud, a Friedrich Wilhelm Nietzsche.

sexta-feira, agosto 03, 2012

Abro meu voto ao Fortunati !

Nunca pensei em fazer algo parecido ao que estou fazendo aqui mas o que me levou ao tal fato foi a ganância e tentativa de oportunismo de uma certa candidata comunista que não convidou Fidel Castro para ser seu vice. Fiquei indignado com isso !

As pessoas não tem qualquer pudor em virar as costas para quem o voto lhe confiou. É o caso dessa menina Manuela, a qual se acha a grande revolucionária quando não deve nem ter controle da limpeza das próprias calcinhas. Ludibriou seu grande eleitorado que lhe confiou o voto para ser nossa representante em Brasília e largou tudo para um projeto pessoal. Que falta de ética ! Que golpe baixo seu eleitorado recebeu !

No meio disso tudo, mandei emails para a Manuela nunca respondidos. Minha pergunta era justamente essa. Também mandei email para o candidato Fortunati que me respondeu prontamente com a humilde colocação que não concordava com alguns pontos de vista meu mas que estava à disposição para a troca de idéias.

Ora, amigos ! Em quem você votaria ? Numa aventureira que abandonou uma grande aposta da população em nos defender em Brasília ou numa pessoa que já está na prefeitura comandando a cidade, sabendo que a mesma precisa melhorar mas que abriu canais de discussão e diálogo para que o objetivo seja cumprido ?

Sou apartidário ! Não tenho qualquer compromisso com qualquer pessoa independente de sua condição política. Eu tenho, sim, uma cobrança forte com pessoas éticas, democráticas e que estão à disposição para um diálogo de alto nível.

Por isso vou de Fortunati para prefeito de minha cidade e cobrarei dele inúmeras coisas que deverão ser consertadas e arrumadas nessa cidade.

segunda-feira, julho 30, 2012

Fim-de-semana diferente !

Pois lá estava eu no carijo no Sitio da Amizade. O nome já traduz tudo, em si, sobre o lugar.. Para quem não sabe, carijo é uma armação de varas onde são depositados os fardos de erva mate para serem crestadas. 
Ou seja, as plantas são colhidas, depois passam por um processo de secagem e depois amassamento e, assim, ficam prontas pra consumo.
Isso tudo dura uns dois dias. Por isso que a comunidade e o voluntariado é convocado para a função.

O mais legal é que todo mundo colabora. Se não estão nas lidas diretamente relacionadas, estão fazendo a trilha sonora, o qual foi meu caso.

Já tinha ido no Sítio da Amizade e confesso que essa segunda vez foi bem melhor que a primeira. O lugar estava mais organizado, havia uma biblioteca com dezenas de livros legais para se ler, o ambiente exalava cultura, dedicação, companheirismo, colaboração, simpatia, e por aí vai.

É interessante relatar que, certos lugares, a gente se ente bem melhor, quando chega, que outros. Acredito que isso ocorra devido a energia local, o astral das pessoas, a química que fica no ar.

Nesse final de semana que fui, tenho certeza que isso tudo estava no seu limite máximo positivo e tudo foi eterno prazer e satisfação de estar numa roda de amigos. Uns eu nunca tinha visto mas o pessoal chega te cumprimentando com um abraço caloroso. Pessoas que evoluem espiritualmente fazem isso naturalmente e o Sítio da Amizade é frequentada por pessoas assim.

Gostei muito ! Gostei demasiadamente de ter passsado um fim de semana diferente, alternativo, onde o amor, a boa convivencia, o respeito e a dedicação estavam, acima de qualquer coisa.


segunda-feira, julho 23, 2012

Uma triste estatística

A revista Veja, na sua última edição de número 2279, coluna de Roberto Pompeu de Toledo, reproduz uma triste estatística brasileira facilmente observada nas faculdades. Duas delas, a PUC e IBGEN, aqui em Porto Alegre, constatei isso ao vivo: os alunos tem enormes dificuldades em escrever corretamente, em ler corretamente e a consequencia  é que não conseguem interpretar um texto mais complexo. Não conseguem captar a mensagem do autor quando o assunto não é matéria futebolística de jornais nem as crônicas policiais dos mesmos. Infelizmente !

Tenho comentado nas redes sociais a quantidade de erros de português (nem conto com erros de concordancia nominal e verbal) em coisas publicadas e, também, comentários sobre determinadas postagens que fica difícil entender o que a pessoa quis dizer com tais palavras.

A estatística apresentada na Veja está no índice de 27% dos brasileiros alfabetizados "funcionalmente". Quer dizer, aqueles que sabem ler e escrever mas não sabem interpretar o que leram. O exemplo tragicômico que Roberto Pompeu coloca na revista é que se um navio está afundando e é distribuído um manual de sobrevivencia, a cada 4 pessoas que rcebeu uma morrerá por não saber interpretar e seguir os conselhos ali descritos.

Uma das consequencias disso tudo é o aumento de filmes disponíveis, dublados para o português, nos cinemas. As pessoas não conseguem acompanhar as legendas e perdem grande parte da obra ali apresentada da mesma maneira que assistindo-os dublados, perderão todo o charme, entonação e desempenhos dos autores originais.

Uma triste realidade retratada há muito tempo nas estatísticas na ONU onde o Brasil figura no ranking da educação lá nos últimos lugares, nos primeiros, em matéria de números de impostos e juros bancários exorbitantes e entre os cinco melhores no futebol de campo.







terça-feira, julho 17, 2012

Inglês fazendo samba cantado em francês !

Dessa mistureba saiu uma canção interessante do Sting, pós Police ! O ritmo lembra um samba-canção mas a batida da bateria é evidente que é uma coisa bem quadradona. Falta o suingue do latino, aquela manha de colocar a batida certa na hora certa.

As quebradas da batera são muito boas mas coisas mecânicas. O resultado final é muito bom mas poderia ser bem melhor. Assim como deixamos a desejar na hora de fazer um bom rock´n roll, os gringos também cometem os mesmo erros quando criam um samba à moda deles.

Gostei do resultado final. Ouço direto no meu iPod, sempre pensando que, em tudo que fazemos, sempre podemos fazer melhor. E é isso que a música nos ensina e nos deixa esse recado.

http://www.youtube.com/watch?v=6QkuyveMuDc


domingo, julho 15, 2012

O mais legal de tudo....

....é que, na minha adolescencia, todos se divertiam sem internet (não tinha), e todos, ou quase todos, sabiam tocar um instrumento e andar de bicicleta.

sexta-feira, julho 13, 2012

História ou estória ?

Um cara como eu, que já tem mais de meio século de vivência com outros seres humanos, é normal que tenha muitas coisas para contar. Umas histórias, outras estórias, e, também, muitas coisas que já me contaram.

Um delas foi relatada por uma pessoas que conheci que, primeiramente escreveu o relato e, posteriormente completou num conversa de bar, eu e ele. Resumidamente a coisa foi mais ou menos assim:

"viajei com um amigo pro exterior. Era um cara mais velho, tipo a tua idade e até queria que tu conhecesses ele. Na real, nunca fui pro exterior e esse cara eu encontrei uma vez só. Se bem que não costumo viajar com quem não conheço direito. Enfim, acabamos indo mas esse cara nem existe.
Aconteceram um lances na viagem tipo encontrar uma duna e saírem os dois abraçados rolando mas acho que o que aconteceu foi que eu caí e rolei sozinho. Não lembro se tinha alguém junto. Sei que isso aconteceu. Ou na ida ou na volta. Ou será que foi numas dunas de Santa Catarina ? Tá, mas não importa.
O que importa é que foi uma experiencia muito legal. Nunca tinha pisado no exterior. Só ali em jaguarão. E foi só. Gostaria um dia de conhecer outro país. Essa trip valeu como experiencia. Mais, assim, digamos, para exercitar um história fictícia que não chegou a ser bem isso. Se enquadra mais numa estória imaginária. Sei lá. De vez em quando eu falo com esse cara que depois dessa viagem que ele não foi mas que estava lá, queria até voltar comigo. Claro, já não seria a primeira vez que sairia com ele mas não curto viajar com quem não conheço. Afinal de contas, nem chegamos a nos conhecer".

Garçom, mais uma cerveja bem gelada, por favor. Daquelas reais !

terça-feira, julho 10, 2012

Bailes Funk !

Não posso morrer e não ter ido a um baile funk. Como moro aqui em Porto Alegre, os daqui são mais light. Não tem aquela "sedução" que acontece no Rio de Janeiro. Sei pelo que vejo na internet. No YouTube tem aos quincalhões.

Digamos que não é a minha turma mas conheço várias pessoas, colegas de trabalho, de faculdade, que frequentam esses bailes. Segundo ele, é comum rolar um tiroteio lá pelas tantas e a solução é continuar dançando mais agachadinho, sem deixar cair a peteca. Isso é um simples detalhe.

O detalhe maior é dançar com uma popozuda sem calcinha e o cara ir pro baile sem cueca, penso eu.

As letras das músicas são fáceis de assimilar e , assim, a galera toda aprende a letra já no primeiro refrão.

Num dos vídeos desses bailes que vi no YouTube a mocinha cantava assim....Antes disso cabe dizer que a batida é sempre a mesma, pra facilitar a assimilação da comunidade....

Mas era assim.....vou escrever sem frescura pois isso está disponível na internet....

tchum, tcha, tcha, um, tum tá....tchum, tcha, tcha, um, tum, tá...

"qué meu cu ? que minha buceta ? ou quem sabe eu te bato uma punheta ?"

Geral e meia, olha aí. Tá barato o ingresso. Vamos aproveitar !

segunda-feira, julho 09, 2012

Viver é essencial

Não sou arrogante, como muitos dizem. Tenho, sim, meus pontos de vista bem definidos e os publique-os. A troca de conhecimentos se dá a partir do momento em que nos propomos a tornar nosso ponto de vista uma consulta pública.

E é assim que faço com meu blog. Proponho assuntos polêmicos para que as pessoas pensem e analisem meus argumentos. Obviamente analisar-se-ei os demais também.

O que não pode ocorrer é se afundar na escuridão. Num túnel onde não se enxerga a lua pelo simples fato de se achar um cara genial, um diferencial nos blogs da internet.

sábado, julho 07, 2012

Os intelectuais de plantão

É sempre bom termos pessoas metidas a intelectuais. Não faço parte dessa turma. Faço parte da turma que coloca álcool na fogueira, da turma que faz pensar sobre algo simples... Gosto de levantar polêmicas sobre determinado tema com o simples objetivo do exercício da argumentação. A troca de idéias é um ótimo exercício. Já mudei muitas vezes minha opinião em função de argumentos que antes não me dera conta.

Mas existe uma turminha, em qualquer canto do mundo, de metidos a intelectuais. Que não compartilham suas idéias e opiniões e se deleitam em grupelhos secretos ou que não te aceitam para participar.

Nesse exemplo, cito a Academia Brasileira de Letras e pergunto: pra que serve essa bosta , onde até publicações como Marimbondos de Fogo são aclamadas ao extremo ?

Assim como essa academia, grupinhos fechados de metidos a intelectuais formam-se nos diferentes cantos e os próprios se endeusam, se aclamam, se transformam nos Sarneys da vida publicando suas obras nunca divulgadas e discutindo assuntos que nunca sabemos pois, nós mortais, não somos capazes de entrar na mesma "vibe" que esse intelectuais.

Até gostaria de saber, quando morrerem, o que escreverão em suas lápides, se é que irá alguma coisa escrita pois só eles sabem o que escrever.

Esse egoísmo não sei se tem outro nome mas as pessoas que detém um nível cultural diferenciado o qual formam esses grupinhos masturbatórios, nada valem pelo não compartilhamento da informação.

Os mesmos se achando grandes intelectuais morreram como grandes ignorantes.

quinta-feira, julho 05, 2012

A trilha sonora da vida

Comparo muito a música com o nosso cotidiano. A música dá a trilha sonora dos nosso atos. E a sintonia desse com os acontecimentos cotidianos forma a trilha sonora dos nosso tempos.

Temos decisões a tomar, problemas a resolver, aceitações pelo caminho. A trilha sonora é importantíssima.

Ela nos dará o rumo das coisas, a paz interior.

Basta o "feeling!"  para que isso  aconteça.

sábado, junho 30, 2012

A ignorância atravanca o progresso !

Também já tive meu momento ignorante apesar de me cuidar bastante dessas situações. Sou uma pessoa informada, que lê bastante, que estuda, que tem opinião própria.

O fato em questão, ocorreu quando eu dava aulas particulares de matemática e física. Alô, Heloísa ! Anota na tua agenda que tem um professor na família. Fechado o parênteses, esse fato ocorreu lá pelos anos oitenta.

Naquela ocasião eu estava com problema nos olhos devido a uma infecção pega em algum lugar e estava tratando-a.

Nesse interim, eu tinha acabado de chegar no belíssimo apartamento da minha aluna e a mãe dela me perguntou:
- Como é que está a tua pupila ?

Eu respondi:
- Está bem ! Aos poucos vai ficando boa !

A resposta serviu para os dois entendimentos da pergunta. Só mais tarde eu me dei conta do que ela havia me perguntado.

Me saí bem, apesar da minha ignorancia momentânea !

terça-feira, junho 26, 2012

Os Intelectuais de Pelotas

Pelotas é um caso à parte na história do Rio Grande do Sul. Talvez tenha sido a única cidade expressiva que voltou no tempo, não teve continuidade, não conseguiu sustentar sua referencia econômica e social adquirida ao longo dos anos, chegando ao seu auge nos anos 70, 80 e depois, só decaindo vertiginosamente.

Volta e meia leio os pelotenses, formadores de opinião, recém saído das universidades da cidades mas com uma postura estranha, diferente daquelas que estamos acostumados a ler por aí. Morei em Recife, São Paulo e Curitiba, além de Porto Alegre e aqui se respira cultura. Se respira uma cultura diferente de Pelotas.

Pelotas, ao meu ver, faz questão da turma privada, da seletividade das pessoas que possam ler suas obras, suas publicações. A turma, me parece, que tem receio da opinião externa, que não assume a decadencia cultural vinda de anos com teatros formidáveis e hoje entregue aos cupins, a deterioração, ao descaso.... A rede hoteleira, com exceção do recente empreendimento dos dois excelentes hotéis Jacques George, estão em plena decadencia. O glamour do hotel Manta não existe há muito tempo e com um preço de hotel de primeira linha em outras cidades. Quem já se hospedou por lá sabe muito bem do que estou falando.

Mas o intelectuais da cidade, aquela juventude que poderia fazer a diferença, parece que nega-se a buscar informações que não sejam na internet e vivenciar o que está acontecendo em outros pagos, até mesmo em Porto Alegre, onde, bizarramente, os pelotenses se perdem geograficamente por aqui pois nunca foram acostumados a conhecer o que acontece pela capital na triste ilusão que ainda estariam sendo a refenrencia cultural do estado.

Isso passou, pessoal. Isso já era !Não adiante querer seu culto numa cidade decadente onde a limitação do conhecimento não passa de Jaguarão, Bagé, Camaquã e Canguçu, para citar alguns exemplos.

As coisas feitas aí não são ruins. As tentativas de voltar a ser referencia cultural ou mesmo entrar no time do conhecimento das artes é válido. Não é válido é ficar idolatrando os locais sem ao menos conhecer pessoalmente as inúmeras manifestações extraordinárias que acontecem pelo país à fora . Em cidades que tiveram a humildade de sempre estar à procura do novo, do diferente.

sábado, junho 16, 2012

Expectativas da vida !

A vida é longa para alguns, cura para outros, de amanho certo para muitos e o restante não tem opinião formada disso. Pois eu digo que a vida é curta ! Curtíssima ! A vida nos proporciona tantas coisas boas que fica impossível desfrutar de tudo pois temos uma expectativa de vida e 80, 90 anos não é tempo suficiente para tudo isso. Ainda mais quando falo de amizades. De conquistas amigáveis.

Não é de um momento para outro que encontramos alguém e dali surge uma grande amizade. Pode até acontecer, de acordo com a vontade mútua das partes. O que geralmente ocorre é um tempo de investimento, de conhecimento, onde as coisas vão se ajustando de acordo com o aprofundamento das relações.

E foi aí que falhei redondamente ao investir numa amizade que nunca me correspondeu. Ora sim, ora não, mas não era aquela constância de algo bom.  Era momentos alternados de prazer e raiva, de alegria e indignação.

Tudo em função de uma palavra primordial e essencial: EXPECTATIVA !

O que eu esperava como resultado, não aconteceu.

Infelizmente, a vida é bem parecida com a bolsa de mercado de ações. Os fatos e as atitudes é que mostraram o caminho mais favirável para o sucesso, assim como uma crise econômica mundial e a mudança de humor afetam diretamente essas duas coisas tão distintas mas no fundo tão parecidas.


domingo, junho 10, 2012

Quem disse que isso é um TCC ?

TCC é a sigla nos meios acadêmicos para designar o "trabalho de conclusão de curso". Ou seja, o trabalho final depois de anos de estudo sobre um assunto escolhido pelo aluno mas....nos moldes dos que irão te analisar e te julgar.

O paradoxo disso é que este trabalho final nada mais é que um apanhado de idéias DE OUTROS e opiniões DE OUTROS sobre o tema escolhido pelo aluno. Não se pode fazer um trabalho ousado, diferente, criativo, único, singular, inédito. Nada disso. A banca que irá te julgar é formada por professores retrógrados, que tem medo da ousadia, que não saberiam te julgar se fosse apresentado a eles algo que o aluno inventou. Nada disso. O trabalho de conclusão deverá ser uma coisa bem careta, escrito de um modo careta para que os caretas te julguem de uma forma careta pois viveram a vida todo na meio da caretice.

A ousadia do aluno fica para depois. Fica para ser colocado em prática e superar a empresa do professor que te julga. Ali no mercado de trabalho pode. Mas na faculdade ele é ainda o dono do campinho, o dono da bola e as regras partem dele. Saiu fora do esquema, teu trabalho nem será julgado.

Estamos no lugar 86 na educação. Me parece que nada está sendo feito para melhorarmos no ranking. Com uma mentalidade assim de quem julga um rabalho de conclusão de curso, não poderia ser muito diferente.

sábado, junho 09, 2012

Recado a um desconhecido

Fica estranho uma pessoa que não se conhece receber um recado desse tipo. O recado não é direto, explícito. Ele se utiliza de outros meios mesmo por que não se tem o destinatário certo pelo simples fato de não se conhecer. Nem onde vive, nem onde se alimenta, sem onde passa suas horas quando não está dormindo em um outro lugar não revelado e sabido.

Será que um dia essa carta chegará as suas mãos ? E se chegar ? O que fará com ela ? Será que entenderá meu recado ? Ele também não me conhece ! Vou arriscar a própria sorte. Quem sabe cartazes espalhados pelos bares, pela cidade, para alertá-lo o quão importante seria a leitura desse recado ? Azar ! Vai assim mesmo !

Só gostaria de te dizer que esses anos todos foram jogados fora. Para nada serviram. Nem mesmo para tentar te conhecer. Uma sombra estranha sempre esteve dividindo um espaço imaginário entre duas coisas desconhecidas. Nem a sombra sabia o que ela estava fazendo ali mesmo nos dias nublados e nas noites mal acabadas.

Disseram-me que estás feliz. Que imagens da perversão, sem nada a cobrir, ficam marcadas em estranhos. A tua imagem ! Minha imaginação fez com que eu te encontrasse num desses lugares fantasiosos mas não tive a certeza disso. O desconhecido continuou sendo um ser de outro lugar pra mim. A distância ficou cada vez maior.

Não era isso que eu sonhava. Não era esse o final melancólico de ter investido em algo que nunca toquei, que nunca recebeu o toque carinhoso de minhas mãos macias e nem sua pele pode ter esse privilégio.

O medo do escuro o fez sair correndo para um lado que nunca soube qual direção.

Hoje só te vejo em imagens obscuras que retratam que estás feliz. Que nadas na praia que sempre estiveste à vontade apesar de nunca ter escutado minhas histórias com a mesma atenção que escutas o vento te dizer que estamos cada vez mais longe.

Espero que um dia esse recado chegue até a ti. Um recado que mando para alguém que nunca conheci.

quarta-feira, junho 06, 2012

Frio, vinho, lareira, aconchego, reflexão

Como acontece todo os anos
ele dá uma passada por aqui
o frio é nosso parceiro
ou está lá ou está ali

A noite, com amigos
ou mesmo estando sozinho
o sabor da uva
transformada em vinho

Não quero estufa
e sim uma lareira
seu fogo hipnotizante
dentro de casa, uma fogueira

O lar é o melhor dos lugares
um aconchego que não tem igual
as horas passam lentas
num grande prazer, num diferenciado astral

O inverno favorece
ao intimismo, à reflexão
que ele volte rapidinho
pois não sou muito amigo do verão

terça-feira, maio 29, 2012

Futuros Candidatos à Prefeito !


Por enquanto Porto Alegre, pelo que eu vejo, está mal de candidatos a prefeito. Temos uma comunista que está se aliando com ruralistas. Nunca tinha visto isso ainda. Porto Alegre está sedento para sermos referencia de um sistema que faliu no mundo inteiro. De repente ela vai chamar o Fidel Castro pra vice.

Temos o atual prefeito que era o vice sorridente mas até agora não disse a que veio. A cidade está pior que antes e os problemas não são atacados com agilidade, competencia e habilidade. Chegou a fazer cerimônia de reinauguração da passarela da rodoviária sendo que a mesma não estava pronta depois de uns 4 meses em obras. O nosso embaixador da copa, pra delírio dos bares e hotéis, expulsou a Copa das Confederações. Porto Alegre, com ele, está demais... na lerdeza administrativa. É uma bela pessoa mas está fora do contexto.

Outro, é o homem do tempo. Nossa, esse sim é o cara, desde que faça chover pra cima para essa cidade se ajeitar de vez. Não sei por que largou o que fazia na TV. Era bom e competente. Errava 50% das previsões mas estava dentro da margem brasileira de erro.

Os demais são desconhecidos pra mim.

Prometo que me informarei e pesquisarei o que fizeram de bom para serem candidatos a administrarem essa bela cidade chamada Porto Alegre.

sábado, maio 26, 2012

Grande dúvida !

O que deverei escrever ? Bem, posso escrever o que eu bem entender. No Brasil temos essa liberdade conquistada após o regime militar mas o péssimo hábito das pessoas não lerem levam, inevitavelmente, à dificuldade da interpretação dos textos.

Procuro sempre ter uma função ao escrever. A mais explícita de todas é provocar uma polêmica , uma discussão sadia colocando pontos fortes para serem analisados. Essa é meu principal objetivo. A missão. Mesmo assim, sou mal interpretado ou as pessoas lêem e me dão um retorno diferente ao qual eu esperava. Nesse  caso, minha missão precisa ser revista para que não entre em conflito com meu objetivo.

Também não consigo agradar a todos. Um dos comentários mais bacanas que recebi foi quando um colega de trabalho começou a ler meu blog. Depois de algumas leituras ele me disse:

" - escreves muito bem, apesar de não concordar com que escreves. Mais tarde lerei em casa novamente teus textos e depois te dou um retorno".

Excelente ! Era tudo o que eu queria ouvir ! E são esses comentários que me dão motivação para continuar escrevendo.

Se adquiri, ao longo da vida, uma série de informações e opiniões, me sinto na obrigação de repassá-las. Nem que seja ao meu modo. Essa é a essencia do conhecimento. Não adianta sabermos uma série de coisas, termos opinião sobre inúmeros assuntos e morrermos com essa babagem toda.

O mais inteligente é o que sabe repassar para os demais aquilo que aprendeu. Essa frase não é minha mas li em algum lugar e não me recordo do autor.

Mas serve para encerrar mais esta postagem.

segunda-feira, maio 14, 2012

Por que incomodo os políticos ?

Já começo meu blog respondendo rapidamente: porque eles não tem vergonha na cara de roubar nosso dinheiro e por que são incompetentes para os cargos designados.

Sei lá a razão de o povo eleger A ou B para governar a sua cidade desconhecendo completamente a competencia desses candidatos de exercerem tal tarefa. Votam por que são amigos do amigo amigo candidato ou por que a candidata comunista é bonitinha, desconhecendo totalmente o que é ser comunista, e por aí vai.

Quem paga o pato dessa incompetencia toda eleita somos nós mesmos. E aí reclamamos do politicamente, dos postos de saúde, das ruas esburacadas, no transporte público, da falta de investimento aqui e ali. Mas eu pergunto: e você sabia da capacidade da pessoa em que votou fazer tudo isso ? Ela tinha preparo pra isso ?

Esse é o grande mal que assola a ignorancia da maioria dos eleitores. E eles incentivam os adolescentes de 16 anos em diante a votarem. A geração Y mais ligada nas salas de bate papo e pornografia internitês e que desconhecem totalmente os que irão decidir o rumo político das nossas vidas. Para eles, quanto mais ignorantes estiverem votando obrigatoriamente, melhor pra essa cambada de sangue-sugas. Ah...eles alegam que o adolescente vota se quiser. E por que não abrem a prerrogativa de "tirem a carteira de motorista se quiseram" já que os dois casos pedem igual responsabilidade ? Ah...mas o caso ai ´outro, dizem eles e blá blá blá blá blá blá......

A politicagem no Brasil hoje é nojenta. Não há qualquer defesa de ideologia pois não há ideologia. Esse termo foi substituído por conchavos. Ruralistas e comunistas estão lado a lado buscando marketing pessoal.
Ninguém está interessado em arrumar a cidade, o estado, o país. O mais importante é arrumar a sua vida particular e isso o povo não se deu conta ainda que é importante arrumar a sua vida também.

Mas isso está em terceiro plano. O importante é continuarmos ignorantes e não incomodar quem está no poder.

sábado, abril 28, 2012

A chinelagem teve um trágico fim !

Coitado do Paulão, do Polícia em Ação ! Sempre combateu a chinelagem mas ele era um dos representantes dessa turma.

Já havia postado anos atrás um fato verídico onde o Paulão se envolveu. Ele contratou a empresa de uma amigo meu para fazer as produções de seu programa e nunca, mas nunca pagou um tostão pelos serviços prestados por mais de um ano.

Apesar de receber de seus patrocinadores, o Paulão morreu num paradoxo, numa curva que não era a estrada de Santos. Sempre combateu e criticou a chinelagem mas ali estava um membro da gangue se passando por politicamente correto.

A dívida do Paulão, a qual morreu junto com ele, daria para comprar uma bela camionete importada com todos os opcionais.

Pois é, Paulão, mentiu pro tio, que ía pagar, e a casa caiu, na maneira que o Paulão mais adorava fazer: publicar, comentar e divulgar jornalisticamente a tragédia e a desgraça alheia.

Descansa em paz, Paulão ! Infelizmente, dessa vez, foi a tua casa que caiu.

Um chinelo a menos no mundo !

sexta-feira, abril 27, 2012

Viver bem e sobreviver !

No Brasil a coisa é gritante chegando a ser quase revoltante de quem se dá conta das diferenças salariais para os trabalhadores desse país.

Respeito e admiro os empreendedores que metem a cara, que não tem medo dos seus sonhos, que arriscam os últimos centavos para colocar em prática a sua capacidade de fazer acontecer.

Mas me refiro aos assalariados. Por exemplo, Galvão Bueno. Ele não existiria sem o grande aparato que o circunda e que faz ele aparecer na TV. Temos aí o motorista que lhe pega em casa, os cinegrafistas, o pessoal do áudio e toda a retaguarda para suas transmissões irem ao ar.

Galvão Bueno ganha mais de 1 milhão de reais mensais. É muito, mas muito dinheiro mesmo. E quanto ganha esse pessoal da retaguarda ? Talvez o mais qualificado uns 10 mil reais mensais. Nem sei se chegaria a tanto.

O salário do Galvão não poderia ser 800 mil reais por mês ? Ele seria milionário igual e seu padrão de vida continuaria o mesmo. Os 200 mil da diferença seria distribuído entre o pessoal da retaguarda. Se forem 100, daria 2 mil reais para cada um a mais no mês.

Quem não esbanja dinheiro e coordenada o seu orçamento na ponta do lápis, sabe que 2 mil reais a mais, o trabalhador brasileiro viveria muito melhor.

Pena que os nossos empresários não pensam dessa maneira. A ganancia anda lado a lado com a indiferença e a ignorancia. Infelizmente !

domingo, abril 22, 2012

Curtinhas metidas a engraçadas !

- Mais uma semaninha pela frente. Mais uma cirurgia mais adiante. Já perdi as contas de quantas foram !
- Cirurgias ?
- Não, as semaninhas !


- Nossa, mas que uísque bem ruim esse, garçom ! Que merda é essa ?
- Zito, uísque Zito ! Sá trabalhamos com essa marca !

quinta-feira, abril 12, 2012

Administração do tempo, elegância nas redes sociais e futebol !

Essa misturança  de palavras no título foi inspirada por uma advertência que recebi de um cidadão desconhecido  na rede social Facebook.

O motivo da minha interferencia foi uma foto publicada por ele e que foi acrescida de um printscreen de outro cidadão onde palavras desnecessárias e infelizes faziam a composição da frase em questão. Nem vale a pena reproduzir aqui o que estava escrito pois nada acrescenta culturalmente, nem mesmo a um desprovido cidadão carente de informação e intelectualidade.

Alertei aos administradores dessa rede social que aquele tipo de postagem fosse banida pelo motivo grotesco totalmente divergente da missão do Facebook, a rede em questão. Em questão de minutos, a postagem foi excluída da rede pois assim entenderam os administradores que minha reclamação procedia.

Numa reação natural de quem postou, o cidadão autor da chinelagem, numa reprodução de outrem, se sentiu lesado com minha crítica afirmando que "
  • ...O texto acima da foto (digitado por mim) diz "that awkward moment na timeline" - uma piada que 'abrasileira" o tal 'awkward moment', ou seja, o momento constrangedor.

    Meramente constatei a graça de um amigo ter postado sobre a avó e o outro, quase ao mesmo tempo e não intencionalmente, ter postado essa frase bagaceira (suponho que seja essa a frase que te ofendeu)...

    ... que só tirei um print screen da infeliz (porém engraçada) coincidência.

    Obrigado por tornar o facebook um lugar mais seguro e decente para todos nós, homens de bem ".

    E ainda completou  "...
    De resto, tenho certeza que tens coisa melhor pra fazer na vida do que censurar posts de desconhecidos no facebook.".

    Ora, voltando ao meu objetivo dessa postagem, digo e recomendo a todos que o dia seja dividido em 3 partes: 8h para dormir, 8h para trabalhar e 8h para se divertir.

    A observação que fiz estavam dentro das 8h para se divertir. A imbecilidade das pessoas  também me diverte.

    Pra finalizar, o tema : cerveja nos estádios ! O que vocês acham ? Se o motivo é conter o consumismo de bebida alcoólica dentro dos estádios, o que fazer com o cidadão que já chega bêbado no recinto, pronto para armar confusão ? Mais uma vez, o nivelamento está sendo feito por baixo.




domingo, abril 01, 2012

A Cantada

O calor era infernal mas, mesmo assim, resolveu sair de casa pra almoçar. O restaurante e lá tinha arcondicionado, acessório que faltava no apartamento compra com o dinheirinho do trabalho. Aos 85 anos, alguma coisa tinha que ter adquirido. E o apartamento no centro na pequena cidade foi o escolhido.
Se somassem as idades dos vizinhos de seu andar, cerca de 10 apartamentos, passaria dos 100 frouxo.

Sentou-se na mesa de costume e, ao lado, na mesa vizinho, quatro senhores falantes. O papo era inaudível para ela. Nessa idade, apesar do paradigma, a comunicação fica bem mais entendível por email.

Feita a refeição, dois homens ao lado já tinham se retirado, ela levantou-se, pagou a conta e seguiu para as poucas quadras a serem vencidas até chegar em casa. E os homens que estavam observando aquela senhora, seguiram seus passos.

Assaltantes não eram, pensou. Um aparentava uns 90 e o outro 89. Se assaltassem , seria só gritar ladrão que qualquer pessoa acalçaria a dupla facilmente.

Mas eles estavam caminhando mais rápido. A respiração ofegante era ouvida a várias quadras. No "aproach" centenário, a frase escolhida foi:
- Delícia, delícia...ai se eu te pego.
- Nossa , assim você se mata...do coração..  , disse ela.

Logo em seguida, entrou no prédio, sozinha,subiu para o seu apartamento e ficou pensando."" Bem que o coroa podia ter ido direto no assunto convidando pra trepar. Não seria má idéia. Ainda mais que tenho um estoque de biotônico Fontoura ".

sábado, março 03, 2012

Os sonhos !

Minha mãe tem um livro de "interpretação dos sonhos". Particularmente, acho o maior besteirol. Para se fazer uma coisa dessas, teríamos que ter centenas de anos com pesquisas, com um grupo de pessoas, que relatassem diariamente o que sonharam e, a partir daí, acompanhar suas vidas e registrar as coisas que acontecem. Complexo demais ! Por isso não dou meus créditos a publicações oportunistas desse gênero.

Mas dou meus créditos aos sonhos, mais no sentido de visualização do futuro, de coisas que construímos e o resultado final é a concretização de tudo isso.

Meu meio século de vida me ensinou que devemos trocar a palavra "sonho" por "planejamento futuro". Aquilo que vamos construindo com segurança, com determinação e foco, tem grandes possibilidades de dar certo. Mas a vida, cheia de intempéries, nos prega surpresas.

Planejamento a gente faz para o desenvolvimento de nossa carreira profissional, com o sustento que deveremos ter no futuro. Onde a coisa envolve sentimentos, aí entram os sonhos, os devaneios, a platonice humana.

Sonhar é bom e faz muito bem ! Exercita nossa criatividade e movimenta nossos neurônios.

O que não podemos é deixarmos dominar por essa coisa completamente abstrata, de difícil interpretação mas que nos remete, no mais profundo sono, a um mundo irreal que, sei lá, tenta nos mandar certas mensagens que nossa capacidade ainda não está pronta para entender o significado.

terça-feira, janeiro 10, 2012

Invasores

À noite, o espaço aéreo é invadido.
Eles sabem bem seu alvo.
Seus sensores são bem apurados e remetem um mergulho certeiro para atingir o inimigo, 
Isso me faz lembrar os kamikazes da segunda guerra, pois serão aniquilados no outro momento.
Ataques extremamente suicidas.
Isso está no sangue.

ODEIO MOSQUITOS !

Uma admirável pessoa estranha

Ao mesmo tempo que ele atrai muita gente com sua simpatia
ele se esquiva do momento íntimo
tem lá sua turma de admiradores
mas tem receio de admirar outras pessoas

Ora está receptivo
ora repulsivo
ora amigável
ora intragável
ora, que cara é esse ?

Não se define
nem conhece, talvez, definição
o tempo vai passando
e certamente deixará de ser a atração

O tempo castiga
enruga, esmaga, judia
mas quem sabe conviver com o tempo
nunca envelhecerá

E esse cara, tão admirado e querido
resolveu brincar de médico na vida adulta
o que será que ele pensa ?
o que será que ele quer ?


Ora está receptivo
ora repulsivo
ora amigável
ora intragável
ora, que cara é esse ?

Um partido jogado no lixo !

O PT surgiu lá nos anos 80 como um partido que representava os trabalhadores, onde seus líderes vinham de histórias de resistências ao regim...